Você sabe o que é uma SERP?

Ele é um termo técnico para representar as páginas que exibem os de resultados em uma busca. São chamadas de Search Engine Results Page ou em portugês página de resultados de uma busca. As SERPS variam conforme as palavras-chave e são compostas normalmente por resultados naturais que aparecem do lado esquerdo da busca. O padrão são de cada SERP são no máximo dez resultados paginados quando há mais do que este número.

As SERPs contêm o título da página com link, duas linhas com uma descrição ou texto relacionado a palavra-chave e uma última linha com opções como cache da página, versão alternativa ou tradução.

Podem aparecer tanto no lado direito como no topo com cor diferente links patrocinados. Outros extras que podem aparecer são sugestões de pesquisa, imagens ou até cotações de ações ou mapas de endereço.

18 Comentários »

  1. Marcelo Sant'Iago

    August 4, 2007 @ 5:39 pm

    “As SERPs contêm o título da página com link, duas linhas com uma descrição ou texto relacionado a palavra-chave e uma última linha com opções como cache da página, versão alternativa ou tradução.”

    Dá uma olhada na SERP do Ask…não tem nada a ver com o que vc descreve aqui, por isso cuidado ao ser específico demais: Google e Yahoo não são os únicos sites de busca do mundo.

    Além disso, com o conceito de busca universal vc não pode mais chamar de “extras” os outros resultados além da listagem de sites.

  2. rede banner

    August 8, 2007 @ 9:42 pm

    O seo e assim sempre tem novidades todos os dias aprendo coisas novas

  3. André

    November 1, 2007 @ 9:16 pm

    Corigindo

    Acho que os dois estão corretos.

  4. Wordpress, o tema k2 e o plugin All in One SEO Pack | desenvolvimento para web

    February 1, 2008 @ 2:40 pm

    […] a experiência que me mostrou isso (e que meus resultados nas SERPs estão prejudicados…); espero que outros possam aprender através da […]

  5. Google cache com strip | Marketing de Busca

    February 13, 2008 @ 6:10 am

    […] é uma cópia da página que o Google armazena em um banco de dados. Você já deve ter notado na SERP que na última linha, após o tamanho da página, tem um link escrito “Em […]

  6. Flávio dos Reis e Oliveira

    June 19, 2008 @ 12:39 am

    qual será a minha serp

  7. SEO para designers: os erros mais comuns na otimização de sites | desenvolvimento para web

    June 23, 2008 @ 7:48 pm

    […] É através dos títulos da página que os bons robôs de busca conseguem indexar mais facilmente, mais eficientemente e mais corretamente. Devemos seguir algumas diretrizes para escrever títulos na web. Também, os títulos, na maioria dos bons sistemas de busca, são os que aparecem em destaque nas SERPs. […]

  8. SEO e CSS: o casalzinho perfeito « SEO de brigadeiro

    January 25, 2009 @ 5:59 pm

    […] Janeiro 25, 2009 Uma das coisas que eu percebi assim que comecei a estudar Marketing de Busca foi que tudo começa com uma boa base nos padrões. Webstandards, CSS com web semântica. Tudo certinho como tem que ser. Esse é o primeiro passo para conseguiur mais facilmente um lugar legal na SERP. […]

  9. SEO e CSS: o casalzinho perfeito | seodebrigadeiro.com

    March 6, 2009 @ 9:23 pm

    […] Uma das coisas que eu percebi assim que comecei a estudar Marketing de Busca foi que tudo começa com uma boa base nos padrões. Webstandards, CSS com web semântica. Tudo certinho como tem que ser. Esse é o primeiro passo para conseguiur mais facilmente um lugar legal na SERP. […]

  10. Rafael Perozin

    March 18, 2010 @ 8:49 am

    Um bom SEO precisa além de outras coisas fazer um acompanhamento das SERPs onde o seu site aparece.

    Bela explicação do que é SERPs!

  11. Desenvolvedor Web (parte 6): SEO | Webmaster.pt - Marketocracia Digital

    November 4, 2010 @ 10:36 am

    […] Como denotam os próprios nomes, o White Hat refere-se à aplicação de técnicas recomendadas pelos principais buscadores, valendo-se de um trabalho coerente e consagrado pelos bons profissionais. Por sua vez, o Black Hat diz respeito à técnicas consideradas “duvidosas”, por profissionais que tentam achar “brechas” ou bugs nos mecanismos de busca para conseguir uma melhor classificação em uma SERP. […]

  12. Desenvolvedor Web (parte 8): Marketing Digital | Webmaster.pt - Marketocracia Digital

    November 11, 2010 @ 6:47 am

    […] de forma diferenciada dos resultados orgânicos, sempre em áreas certas e pré-definidas das SERPs. Também é muito comum o anúncio em sites e blogs de assuntos correlatos e que tenham a ver com a […]

  13. Vivian Assis

    November 5, 2011 @ 8:23 am

    Muito legal o universo SEO cada dia com novos termos e técnicas!

  14. Marcio Cavalheiro Kaspersky

    December 16, 2011 @ 5:32 pm

    Bacana o site, estou começando o estudar sobre SEO e o site de você é bem rico em informações. Parabéns!

  15. Mike - Jogos de Sinuca

    December 26, 2011 @ 3:21 pm

    Sem contar que o SERP pode definir o sucesso ou fracasso de um projeto, atualmente muitos websites vivem exclusivamente do trafego que vem das SERPs. O melhor a fazer é estudar e se aprimorar sempre!

  16. Milton

    July 8, 2013 @ 12:08 pm

    Esse mundo do SEO é realmente gigantesco, obrigado pelas dicas!

  17. suor

    August 7, 2013 @ 1:48 pm

    Muito obrigado. agora sim deu para entender

  18. jogos online gratis

    August 7, 2013 @ 1:48 pm

    SERP, estou precisando dar uma rankeada aqui… VLW

TrackBack URI

Comente