Um Google Bomb cínico e mentiroso?

Recebi um comentário um tanto suspeito com um link com texto âncora “cínico e mentiroso” para um possível site do político José Serra. Ao invés de simplesmente avisar sobre um novo Google Bomb sobre um político famoso, preferi fazer uma rápida análise da situação.

Só relembrando, o Google Bomb funciona com a pessoa digitando a palavra-chave, que no caso é cínico e mentiroso, na caixa de busca do Google e apertando o botão estou com sorte. A página aberta é vítima da associação com o termo procurado que em questão é um possível site do José Serra.

Serp de Cínico e Mentiroso

É difícil saber qual o motivo por trás desta história, mas chequei a propriedade deste domínio e vi que a empresa dona deste domínio possui vários outros domínios registrados com nomes de políticos e pastores. Não aparenta que eles tenham feito o Google Bomb. Olhando o site, percebi que realmente o termo do Google Bomb não está dentro da página. Também percebi que a página tem um título com um conteúdo esquisito:

A frase “governador de jose” não faz muito sentido e existe uma repetição de palavra-chave caracterizando Keyword Stuffing. Nem se fala da quantidade de caracteres no título e na meta tag description.

Keywords do site do José SerraAlém disto, vejam a caixa da imagem ao lado que é um print da coluna direita do site, posicionada logo abaixo dos anúncios do AdSense. Um amontoado de palavras-chave sem real intuito de ajudar o usuário e sim alimentar de palavras-chave para o robô de busca. Vejam as últimas linhas. A sequência de palavra-chave foi repetida oito vezes seguidas. Realmente existe necessidade de tanta repetição ou é uma estratégia para manipular o algoritmo?

Bom, antes de terminar, não tenho nenhuma associação política nem com a posição nem com a oposição. Quando divulguei o Google Bomb do Lula, sofri um flame war. O intuito é tentar alertar sobre este novo Google Bomb, informar sobre a ação do site em questão e aproveitar e orientar o dono do site do risco de punição que ele corre e provavelmente ele não sabe.

E por falar um punição, cuidado com vunerabilidades dentro do WordPress. Tive uma amiga que sofreu um ataque hacker em que inseriram keywords com links em seu site. Ela foi punida e não tinha nenhuma mensagem no Google Webmaster Tools. Atualizem suas versões e verifiquem se seus sites não sofreram um ataque. Você pode ter sido atacado e nem sabe.

20 Comentários »

  1. Mauricio Zane

    June 19, 2008 @ 9:06 pm

    Fala Paulo.
    Legal a sua imparcialidade. Eu seria mais crítico e agressivo. O camarada está usando a nossa profissão limpa para fazer caquinha. para não dizer outras coisas.

    Ouvi o Matt Cutts falar esses dias que eles dão bastante atenção aos sites denunciados para a galera do web spam.

    Vamos enviar esses micreiro?

    [‘]s

  2. Paulo Rodrigo Teixeira

    June 19, 2008 @ 10:15 pm

    Mauricio,

    Posso te falar que quem faz isto normalmente não tem nem idéia da besteira que está fazendo. Meu trabalho é orientar o caminho correto. Até no curso que eu dou vejo muita gente que praticava Black Hat SEO e nem sabia. Para reforçar ainda mais isto, acredite que tem um livro no mercado brasileiro que ensina uma técnica de criar uma imagem de um pixel por um pixel e encher de palavras-chave nela.

    Imagine quanta gente inocente leu isto e faz achando que é SEO.

    Quanto a imparcialidade, acho até que eu falo umas verdades de vez em quando aqui no blog, mas me sinto sozinho, como no caso do site da Martha. Quando uma pessoa que se diz profissional SEO faz uma ação de Black Hat SEO era para o mercado reagir de alguma forma. Será que nenhum outro blog SEO viu isto? Nem agência?

    Quanto a denúncia, prefiro fazer um teste. Vamos ver quanto tempo até a punição? Posso dizer que é relativamente rápido. A equipe de web spam do Google é muito alerta.

    Grande abraço,

  3. Luciana Couto

    June 20, 2008 @ 1:54 pm

    É obvio que quem fez isso sabe das punições e tudo mais. Não fez para algo a longo prazo, está pensado justamente para impactar e pronto. Logo logo perde posição ou é banido, mas já conseguiu o que queria: gerar burburinho.

    Uma pena que usem SEO para algo tão baixo, isso só faz sujar a imagem dos profissionais de verdade. Mas não se preocupem, depois de todo o barulho, os bons sobrevivem 🙂

  4. Fábio Ricotta

    June 20, 2008 @ 3:30 pm

    Caraca… muito bom o artigo, nem sabia deste google bomb. Parece que o site já está fora do ar, mas o cache do google continua mostrando… quem usou ali o KW stuffing foi bem louco.

    Jajá sai do index do Google.

    Qual o caso da Martha que eu nem estou ligado?

  5. apieve

    June 20, 2008 @ 6:13 pm

    Bem estranho mesmo.

    Paulo, o que você quer dizer com “Não aparenta que eles tenham feito o Google Bomb. Olhando o site, percebi que realmente o termo do Google Bomb não está dentro da página.”? Não entendi. Quem faz Google Bombing não precisa colocar isso na página. Nem precisa colocar o anchor text (“cínico e mentiroso”), muito menos “Google Bombing”.

    Este site tem 14 links apontando pra ele com anchor text “cinico e mentiroso”. Maioria deles com nofollow, mas eu suspeito que o Google conta o anchor text de link com nofollow. Só não passa link juice.

    Realmente “cinico e mentiroso” não é um termo muito disputado, então um domínio de 2002, com apenas 141 links apontando pra ele e com 14 destes com este anchor text, poderia rankear mesmo em 1o.

    Além do óbvio KW Stuffing, tem um Adsense ali pra pegar uma graninha com os paraquedistas.

    Mas o mais estranho ainda, está no código. Vejam o que eu achei:

    “Site Programado por Marcos de Paula Muniz
    Todos os Direitos são Reservados
    WebMaster : Marcos de Paula Muniz
    E-mail : marcospmuniz@gmail.com

    então… Acho que alguém podia mandar um email pro cara e perguntar, afinal de contas, o que ele está tentando fazer…

    O cara faz KW stuffing, Google bombing (assumindo que foi ele) num site que usa o nome de um político conhecido, e ainda assina???

    Esse mundo está perdido…

    Apieve

  6. apieve

    June 20, 2008 @ 6:21 pm

    Uma última (será?) esquisitice: Por que alguém com um domínio joseserra.com.br faria KW stuffing de… “Jose Serra”??

    Estava difícil rankear pra Jose Serra??

  7. Super Wallace

    June 21, 2008 @ 5:36 am

    Eu acho que isso até segunda feira está fora do ar, dependendo de como as coisas vão andar. Eu até me surpreendi pelo fato de ter demorado a sair uma Google Bomb. O povo quer saber de criar polemica, não pensam nas consequencias…

  8. Ronan Paulo

    June 22, 2008 @ 4:53 pm

    Bom, isso foi na hora que o Paulo tirei o SS. Agora se for ver tem praticamente um texto repetindo as mesmas palavras-chave, sem exagero, umas 40 vezes…

    Tá ficando feio o negócio…

  9. brazz

    June 23, 2008 @ 7:59 pm

    Permita-me fazer uma análise.
    Além de fazer keyword stuffing (o que não é black hat, é burrice), o site joseserra.com.br copia conteúdo do joseserra.org.br, que é o site oficial do Serra.
    E, surpreendentemente, o joseserra.com.br é #3 na google, atrás apenas da wikipedia e do site oficial do Governo (o termo tem mais de 1.000.000 de páginas)
    O que interessa, do ponto de vista do SEO, é: como essa página chegou ao topo?
    Em primeiro lugar, o nome do domínio; é inegável que o nome do domínio tem peso relevante no algoritmo.
    Mas o mais importante, como de hábito, são os links. O joseserra.com.br tem vários links da BBC, e links com Jose Serra na âncora:
    https://siteexplorer.search.yahoo.com/advsearch;_ylt=ApqIdDp7V7vg2P8CIdi1Fgrbl8kF?p=http%3A%2F%2Fwww.joseserra.com.br&bwm=i&bwmo=d&bwmf=s
    Com esses links, o site ganha trustrank e autoridade.
    Será difícil tirar esse site do topo. Se o cara que registrou não quiser mais o domínio, eu registrarei ele para mim (um link da BBC vale mais do que R$ 30 por ano).
    Abraço,

  10. Beto Ferreira

    June 23, 2008 @ 11:43 pm

    Voltando ao blog, já sou publico fiel, rola uns lances assim com uns anuncios da Americanas Viagens também, texto desconexo com alta repetição de keywords.

    É a filosofia “dog eat dog” em voga.

    Parabéns pelo blog mais uma vez.

  11. Ruben Zevallos Jr.

    June 24, 2008 @ 7:08 pm

    Interessante… sempre ouvi falar desses Google Bombs, mas nunca acreditei que realmente seria possível… mas agora acredito.

  12. Tiago Celestino

    June 27, 2008 @ 8:01 pm

    Recebi também um comentário com a mesma tentativa e rapidamente deletei. Agora, quanto o ataque sem aviso do Google Webmasters Tools, tenho até medo.

  13. junior

    June 28, 2008 @ 1:12 am

    Seu site esta ruim!!
    pouca postagem…….Site bom tem q ter postagem nova todo dia……….
    falta de conteudo faz seu site perder credibilidade
    Porém
    Boa sorte..

  14. Durval

    June 29, 2008 @ 7:16 pm

    Tudo sobre Google Bombs é interessante

  15. Paulo Rodrigo Teixeira

    July 1, 2008 @ 2:42 pm

    Brazz,

    Fique à vontade para análise. Só um detalhe: o ponto org não parece ser o site oficial não.

    Beto,

    O problema é uso excessivo de Dynamic Keyword Insertion. Eles devem ter muitas palavras-chave.

    Junior,

    Acho covardia dizer que o site está ruim e vai perder credibilidade por conta da taxa de postagem. Com um filho doente e escrevendo sem ganhar nada para manter o site, imagino que você não seja real, pois ninguém é tão mal assim né?

    Durval,

    Valeu pelo comentário. Assim que descobrir outros aviso.

    Um grande abraço a todos,

  16. Fernando

    July 15, 2008 @ 4:13 am

    O feitiço virou contra você! Tentei o “cínico e mentiroso” agora e caiu… aqui! rsss. Ou era o objetivo, bombear a bomb?

    Abço!

  17. Roberto

    July 29, 2008 @ 2:06 pm

    muito interessante este post

  18. amadeus

    October 29, 2008 @ 6:01 pm

    Incrível esse post, não entendendo100%, eu leio com o maior interesse, agradeceria se alguem me enviasse umas explicações basicas….see you

  19. Marcos de Paula Muniz

    December 11, 2008 @ 11:16 am

    olá pessoal, eu sou o tal Marcos de Paula Muniz a quem vcs se referem aí…

    eu sou programador, fiz esse site para um cliente, o site é totalmente administravel, ou seja, o cliente coloca o que quiser e onde quiser no site, assinei o fonte pois fui eu quem o fiz….

    agora quanto as informações contidas nele não são de minha responsabilidade, o sistema permite que o cliente gerencie as tags do site da forma que quiser, que crie quantos links quiserem e com o conteúdo que desejar para cada link… na página principal me foi solicitado uma area onde seria cadastrado um texto que deveria aparecer em todas as páginas, foi nessa área o que cliente cadastrou o que vcs chamam de bomb, e que na visão dele é apenas uma forma de optimizar os resultados da busca do site. Eu estou pouco me lixando para o que ele faz do site, porem mesmo assim o assinei como profissional que o desenvolveu.

    O proprietário desse site tem milhares de sites na web, todos com esse mesmo esquema de optimização. Observem bem, ele tem milhares de sites, todos apontando uns para os outros… quem quiser conferir acessem http://www.escoladepastor.com.br esse é o site principal dele, acessem os links de menu “links úteis” e “sites” para vcs verem a relação dos milhares de sites que o cliente possui, alguns deles assinados por mim, outros não…

    mais um exemplo similar do mesmo cliente http://www.aecioneves.net/ nesse site tem uma foto desse cliente, dono dos sites… Magnus… outro exemplo http://www.lulapresidente.com.br/

    bom, espero que vcs não descontem suas raivas mais em mim, eu não sou responsavel pelo que meus clientes colocam em seus sites, apenas fiz um sistema de sites onde se cria o que quiser e da forma que desejar

    qualquer coisa estou a disposição para esclarecer qualquer dúvida em meu e-mail…

    abraço a todos

  20. Marcos de Paula Muniz

    December 11, 2008 @ 11:36 am

    ah, mais uma coisa, se vcs prestarem atenção, no fonte do site diz: “Site Programado por Marcos de Paula Muniz” o site foi PROGRAMADO por mim mas não é de minha propriedade… e “Todos os Direitos são Reservados” quer dizer que os direitos sobre o fonte do sistema que alimenta o site são meus, ou seja, o cliente pode usar o fonte a vontade, porém não pode revender o mesmo pois este não o pertence.

    Agora, quanto aos que se dizem profissionais e que postaram falando mal de mim, esses deveriam antes de tudo terem entrado em contato comigo, já que aí tem meu e-mail, e perguntarem se o site era realmente meu…

    Quem acusas alguém sem saber a verdade não é nem um pouco profissional, é amador ou invejoso.

    Da próxima vez que verem meu nome envolvido em alguma polemica na web, entrem em contato comigo antes de sairem me crucificando.

    até a próxima

TrackBack URI

Comente